Valor seguro do Peugeot 206: média de preço


Se você procura um automóvel usado compacto, que possua uma boa dirigibilidade na cidade, com boa economia de combustível, uma das opções é o Peugeot modelo 206. Fabricado no Brasil de 2001 a novembro de 2009, quando foi substituído pelo 207, nada mais do que uma evolução do modelo anterior, o Peugeot usado ainda é bastante apreciado pelos consumidores, em especial para quem deseja um veículo ágil e econômico para se utilizar na cidade.

No começo, o 206 foi comercializado somente na motorização 1.6L, e com a boa aceitação no mercado, a montadora francesa passou a produzir em sua fábrica em Porto Real, no Estado do Rio de Janeiro, os modelos 1.4L e 1.0L, este último o mesmo do Renault Clio, resultado de uma parceria entre as duas montadoras francesas.

Um dos passos mais ousados da Peugeot foi quando deixou de produzir o 206 com motor 1.0 e passou a oferecer no mercado como modelo de entrada o 206 equipado com motorização 1.4, Flex, com melhor performance em relação ao 1.0 mantendo um baixo consumo de combustível.

Para ampliar a sua fatia no mercado, a montadora resolveu estabelecer o valor do 206 1.4 com preço próximo aos veículos 1.0 de marcas concorrentes, além de oferecê-lo mais equipado, com itens como ar condicionado e direção hidráulica. Dessa forma, o Peugeot 206 passou a ser uma boa opção para quem tinha necessidade de um veículo compacto, com design jovial, bom motor, acabamento e boa dirigibilidade.

Em novembro de 2009, a Peugeot deixou de produzir o modelo, entrando em seu lugar o 207, sendo que no Brasil o modelo é diferente do europeu, pois recebeu algumas reestilizações em seu interior e nos seus para choques, porém, mantendo as características tão elogiadas dos consumidores citadas no parágrafo acima.

O 206 pode não ser mais produzido, mas ainda é bem apreciado no mercado de veículos usados, pelo baixo preço do seguro em comparação a outros modelos compactos, como o Volkswagen Gol, o Chevrolet Corsa, o Fiat Palio e o Ford Fiesta, bem mais visados pelos ladrões pela facilidade de venda de suas peças.

Segundo avaliação feita pela revista especializada Quatro Rodas, em julho de 2006, o Peugeot 206 foi o que possuía o seguro mais barato, ficando à frente dos concorrentes Volkswagen Gol, Fiat Palio e Renault Clio.

Atualmente, o modelo é muito procurado para ser o segundo carro da família, voltado especialmente para as donas de casa, aposentados e estudantes, por ser fácil de estacionar e pelo baixo consumo.

Em média, o seguro do automóvel Peugeot custa, R$ 1.500,00 ao ano. Esse valor costuma variar de acordo com o perfil do condutor principal, que avalia a idade, atividade, local onde mora, se a residência e o local de trabalho contam com garagem, quilometragem rodada por dia com o veículo, entre outros.

No caso de uma condutora na faixa dos 55 anos, casada, residente na capital paulista, que use o veículo para trabalhar, rodando até 40 km diários, que conte com garagem em sua casa e no local de trabalho, o seguro do Peugeot 206 sai em média, R$ 800,00, com a taxa de franquia média de R$ 2 mil.

A avaliação foi feita pelo site Seguro Auto on Line. Lembramos novamente que o valor varia conforme o perfil do condutor. Se você deseja calcular o valor exato do seguro do Peugeot 206 para o seu perfil, acesse:  http://seguroautoonline.blogspot.com.br/2012/02/seguro-206-sensation-14-8v-flex.html

Por Selma Isis

3 comments

  1. leia disse:

    sera que vale a pena comprar esse carro?

  2. Alex Mello disse:

    Vale a pena SIM! Sou um feliz proprietário de um Peugeot 206 1.4 Feline Flex 2006/2007!!! Ele é MUITO macio, bonito, potente, só quem tem um pode dizer!!!!! Satisfação TOTAL!!!! Tenho ele a 1 ano e 6 meses!!!

    Não quebra facilmente.
    Mecânica com preço justo (não é baratinha, mas não é cara).
    Tem milhões de itens de série como: Ar digital, retrovisores elétricos, vidros elétricos nas 4 portas, computador de bordo, volante com regulagem de altura, banco com regulagem de altura, direção hidráulica, travas elétricas, sensor de chuva (limpadores de para brisas automáticos), sensor crepuscular (acendimento automático dos faróis), follow me home, faróis de neblina dianteiros e traseiros, rodas de liga leve, cintos de segurança pirotécnicos (além de travar, em caso de acidente ele puxa o corpo da pessoa contra o banco), etc…

    opcionais: Freios ABS, Airbag duplo, acionamento automático de luzes de emergência (quando vem com ABS, ao freiar bruscamente ele liga o alerta automaticamente e desliga na primeira aceleração), controle do som no volante, câmbio automático tiptronic (com modo manual, automático normal e automático esportivo), cruise control (piloto automático), teto solar elétrico, etc…

  3. Jefferson Muller disse:

    Fiquei assustado ao ver o valor do seguro do peugeot 206sw 2005/2006.
    Antes de comprar dei uma olhada na internet, pra saber o que falavam do carro, encontrei informações divididas mas no assunto seguros todos falavam que era barato.
    Comprei o carro e fui cotar o seguro, cai de costas em media ficou R$ 2600,00.
    Moro em Campinas, tenho 40 anos casa com garagem e portão eletronico e não uso o carro para ir ao trabalho e nem faculdades, mas mesmo assim ficou esta bagatela.
    Agora só espero que o carro seja realmente om e confortável pra uso no dia/dia.

Comments are closed.