Dicas para comprar um imóvel novo ou usado sem ter problemas


Se existe um sonho de grande parte dos brasileiros, este é sem dúvida a compra da casa própria. E quando um casal ou uma família consegue arrumar os recursos necessários para a compra da tão sonhada casa, é preciso tomar diversos cuidados, avaliando alguns aspectos, como preço, infraestrutura, localização, condições de pagamento, entre outros.

O primeiro e mais importante passo é decidir se será comprado um imóvel novo ou usado, sendo fundamental avaliar os pontos positivos e negativos para não gerar arrependimentos posteriores. Leia a seguir algumas dicas para escolher o seu imóvel:

Imóvel Usado

Verifique as condições físicas do imóvel, procurando marcar as visitas de avaliação durante o dia, já que algumas imperfeições, como mofo, infiltrações e rachaduras podem não ser notados dependendo do horário;

Confira a pressão da água abrindo as torneiras do imóvel. Além disso, procure acender as luzes para verificar se existe algum problema elétrico;

Verifique se o imóvel possui uma boa localização, além de conferir se ele possui uma boa incidência de sol e ventilação. Para verificar as reais condições de uso do imóvel, procure visitá-lo em diversos horários;

Confira se a localização do imóvel conta com uma boa infraestrutura de comércio e serviços, como meios de transporte, escolas, hospitais e supermercados. Além disso, procure se informar sobre o cotidiano do bairro conversando com os vizinhos;

Procure sempre manter a calma ao assinar o contrato. Antes disso, confira toda a documentação do imóvel e do vendedor, bem como todas as condições físicas do imóvel, e em caso de dúvidas, procure um advogado especializado de sua confiança.

Imóvel Novo

Antes de comprar o imóvel, confira a sua localização, principalmente em relação a alguns pontos que podem desvalorizá-lo em um curto período, como a incidência de ventilação e iluminação. Dessa forma, procure visitar o imóvel que deseja comprar visitando-o em horários distintos, para verificar se ele se mantém bem arejado e iluminado o dia todo;

Certifique-se de que o bairro onde o imóvel está localizado possui uma boa infraestrutura em comércio e serviços, como se está próximo de pontos de ônibus, escolas, comércio e hospitais, bem como se informando com os futuros vizinhos;

Confira se foi cumprido tudo o que foi prometido pela imobiliária em folhetos e prospectos, especialmente no acabamento, na metragem e na qualidade do material. Como por exemplo, no memorial descritivo do imóvel, identifique a qualidade e a marca dos equipamentos e do material usado na obra, como metais, pisos, azulejos e elevador;

Faça uma análise minuciosa da documentação do imóvel e do vendedor, bem como leia atentamente o contrato de compra antes de assiná-lo, prestando atenção no compromisso de compra e venda. Em caso de dúvidas, pergunte ao vendedor ou consulte um advogado especializado de sua confiança;

É importante também consultar o Cadastro de Reclamações Fundamentadas ou o Banco de Dados do Procon do Estado onde está localizado o imóvel para se informar se existem reclamações contra a empresa incorporadora, construtora ou vendedora do imóvel.

Por fim, tanto na compra de um imóvel novo como usado, o pagamento pode ser realizado das mais variadas formas. Caso você tenha reservado uma quantidade razoável, é recomendado adquirir o imóvel à vista, pois se trata da modalidade mais vantajosa, pois sempre se obtém um bom desconto. Se não for possível pagar a vista, a melhor alternativa é fazer um financiamento imobiliário através de algum banco.

Por Selma Isis