Como comprar / financiar uma casa pela Caixa Econômica Federal


Quem é que nunca sonhou em ter a sua casa própria ? Nos últimos anos, surgiu uma espécie de “boom” imobiliário no país, com inúmeras ofertas de imóveis novos, grande parte deles em decorrência de programas de incentivo promovidos pelo Governo Federal, como o “Minha Casa, Minha Vida”.

Esses programas do Governo Federal têm como objetivo facilitar a aquisição da tão sonhada casa própria, por famílias de classe média baixa, a chamada “Classe C”, a que teve o maior aumento de renda nos últimos anos.

E para quem não tem todo o dinheiro disponível para comprar o imóvel de seus sonhos- situação da maioria dos brasileiros- o jeito é procurar uma instituição bancária para que possa realizar um financiamento.

Como o programa “Minha Casa, Minha Vida” é promovido pelo Governo Federal, a instituição bancária mais indicada para quem pretende financiar uma casa é a Caixa Econômica Federal, banco público, pertencente ao Governo, que é parceira desses programas de incentivo à moradia.

Para financiar uma casa pela Caixa Econômica Federal, antes de tudo, o interessado deve ir ao banco onde possui conta para que faça uma análise de crédito, para verificar qual o valor máximo da prestação do imóvel que poderá pagar sem comprometer sua renda.

Dentre os documentos que você deve fornecer para a análise de crédito pela Caixa são: RG, CPF, comprovante de residência, de renda, como por exemplo, os três últimos contracheques. Com isso, o interessado recebe uma ficha cadastral que deverá preencher, bem como pagar uma taxa de análise de crédito, que varia de R$ 15,00 a R$ 20,00. Importante ressaltar de que o interessado em realizar o financiamento não deve ter restrições cadastrais em órgãos de proteção ao crédito, como o Serasa ou  SPC, por exemplo.

A modalidade de financiamento de imóveis mais procurada na Caixa é pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, que financia imóveis novos construídos há menos de dois anos, ou em fase de construção, que não tenha sido habitado, e que tenha valor de mercado de até R$ 170 mil.

Para participar do “Minha Casa, Minha Vida”, o interessado deve contar com renda familiar de até R$ 5 mil. Dessa forma, é possível financiar até 100% do imóvel, em um prazo de até 30 anos para pagar.

As modalidades de financiamento variam de acordo com sua renda e o valor do financiamento pretendido, esse valor vc já deve ter uma idéia na hora da análise, no site da caixa indicado na outra resposta existem esclarecimentos sobre este tópico. Mas é melhor reservar um tempo para ir ao banco com os documentos para análise que os empregados que tratam desse assunto poderão lhe dar mais detalhes.

Já se você pretende comprar um imóvel usado, que não se enquadra no programa “Minha Casa, Minha Vida”, também é possível financiá-lo pela Caixa, mas em outras modalidades de financiamento oferecidas pela instituição financeira, como a Carta de Crédito FGTS-Individual, que pode financiar até 100% do imóvel; a Carta de Crédito SBPE que pode financiar a compra do imóvel em até 30 anos e o Pró Cotista, que usa os recursos do Programa Especial de Crédito Habitacional ao Cotista do FGTS, onde o cliente deve ter uma conta ativa no FGTS por no mínimo três anos, ou então saldo equivalente a 10% do valor do imóvel que deseja financiar.

Enfim, converse com um gerente da Caixa Econômica para que possa lhe indicar o melhor tipo de financiamento para o seu caso.

No site da Caixa, é possível fazer uma simulação de cada modalidade de financiamento oferecida pela instituição, acesse: http://www.caixa.gov.br/habitacao/aquisicao_residencial/index.asp

Por Selma Isis

1 comment

  1. lucas ribeiro da silva disse:

    Eu quero muito ganha uma casa já fis ate o cadastro no programa minha casa minha vida, mais ate agora numca foi sorteado como eu faço para financia uma casa pela a caixa?

Comments are closed.