Motocicleta ou Motoneta Scooter: Qual a melhor escolha?


Com o trânsito das grandes cidades cada vez mais engarrafado e o transporte coletivo cada vez mais lotado e com constantes problemas, como atrasos, falhas técnicas ou greves, muitas pessoas passaram a adotar a motocicleta como principal meio de transporte, devido ao preço acessível, facilidade de pagamento e economia de combustível.

Se você pretende comprar sua primeira motocicleta e tirou sua habilitação para a categoria “A”, surge a dúvida sobre qual tipo de moto comprar, já que a variedade de marcas e modelos é enorme.

Em geral, os motociclistas recém-habilitados optam pelas motonetas tipo scooters, especialmente as mulheres, já que tem a vantagem de deixar o condutor sentado, com as pernas fechadas, dessa forma, é possível guiar a moto usando saias. Motos com baixa cilindrada, como a Honda CG 125 Fan também são muito procuradas pelos motociclistas iniciantes.

Para os motociclistas que ainda não têm muita habilidade, as motonetas são mais práticas, já que além da comodidade de se guiar sentado e não montado, como ocorre nas motocicletas, elas possuem transmissão semiautomática, como a Honda Biz. Dessa forma, não é preciso trocar as marchas nem acionar embreagem, pois funciona automaticamente. Outro modelo de fácil pilotagem é a Honda Lead 110, bastando acelerar e frear a motoneta.

Mesmo com o crescimento no mercado das motonetas, existem motociclistas que preferem as motocicletas de baixa cilindrada, pois ainda é muito comum de que as pessoas aprendam a pilotar motos com embreagem, por isso, preferem adquirir a primeira moto que com os mesmos recursos.

Não existe tipo de moto melhor ou pior, mas sim veículos adequados a condutores com necessidades distintas. Para escolher a moto mais adequada ao seu estilo de vida, a dica é optar por uma que lhe proporcione segurança ao pilotá-la, dependendo de sua habilidade com os comandos disponíveis e suas necessidades.

Para quem ficou muito tempo sem pilotar motos mas que pretende voltar a andar sobre duas rodas, ainda existe uma terceira opção de tipo de moto que é a custom. Dentre os modelos custom recomendados estão motos de 250 a 600cc, como a Yamaha XV 535 Virago e a Honda VT 600 Shadow.

Se mesmo assim você ficou em dúvida sobre scooter ou moto, que tal escolher uma opção intermediária, as motos cub ? Cub é uma sigla em inglês, que quer dizer “Cheap Urban Bike”, que traduzido em português tem o significado de “moto urbana barata”. As motos do tipo cub são muito parecidas com as scooter, sendo que a principal diferença está no câmbio.

Isso porque enquanto na moto scooter o condutor precisa só acelerar e frear, na moto cub o piloto deve trocar as marchas, ainda que sem acionar o manete da embreagem, já que quando o condutor pisa no pedal, a moto aciona a embreagem de maneira automática.

Outra diferença entre as motos cub como as scooters é o tamanho. Enquanto que as scooters possuem rodas no tamanho médio de 10 a 12 polegadas, as motos cub têm rodas maiores, que vão de 14 a 17 polegadas. Um exemplo de moto cub que faz muito sucesso no Brasil é a Honda Biz 125.

Por Selma Isis