preload preload preload preload

Média de consumo novo Uno Vivace e Uno Way 2012 1.0


13th January 2012 Carros 5 Comentários


Desde sua versão anterior, lançada no Brasil na década de 80, o Fiat Uno ficou nacionalmente conhecido por sua economia de combustível, especialmente na motorização 1.0. Devido a incentivos fiscais do governo federal, durante a década de 90, a Fiat realizou uma de suas melhores apostas, que foi o lançamento do lendário Uno Mille.

Tratava-se de uma versão do hatch compacto com acabamento simples e motorização mais fraca, mas que por ter um baixíssimo consumo de gasolina aliado a um preço acessível, tornou-se uma “pedra no sapato” na Volkswagen, a montadora que era líder do mercado nacional da época.

O sucesso do Uno Mille foi tão grande que fez surgir um novo segmento de veículos no país, os “populares”, com motorização 1.0, o que proporciona uma grande economia de combustível, aliado ao baixo preço e facilidade de manutenção. Com isso, o compacto da Fiat foi o primeiro carro “popular” no mercado, abrindo caminho para as versões populares de carros de outras montadoras, como a própria Volks, que apostou no Gol 1.0, e na Ford, que lançou o Ka e o Fiesta na versão 1.0.

Mesmo com o lançamento de veículos mais completos, motorização mais forte e com um preço competitivo, o fato é que os carros “populares” conquistaram um público fiel, que são os que pretendem comprar o veículo para um (a) filho (a) que fez 18 anos, ou então para ser o segundo carro da família, destinado a circular na cidade.

Além disso, muitas empresas de prestação de serviços, como operadoras de telefonia e TV a cabo, têm uma maior preferência pelos populares na sua frota de veículos destinados aos técnicos de instalação, pois são compactos e muito econômicos, perfeitos para quem precisa circular muito no trânsito urbano sem gastar combustível.

Na parte de consumo, o Uno Mille da Fiat sempre foi imbatível. Como conta com um público fiel, apesar de ser um dos modelos mais antigos em produção no Brasil, permanece firme e forte como um dos mais vendidos, por contar com uma excelente relação custo-benefício.

A Fiat já pensou em tirar o Mille de linha desde que lançou o Palio, em 1996, porém, como o carro permanece como líder de vendas, apostou no Mille Fire como modelo de entrada, o que continua em produção até hoje, mesmo com o lançamento do novo Uno em 2010.

Para quem pretende trocar o seu Mille por um novo Uno, mas teme que o novo modelo não tenha tanta economia de combustível não precisa se preocupar. Isso porque o Novo Uno é tão econômico quanto o seu antecessor.

De acordo com dados divulgados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade industrial (INMETRO), o Novo Uno Vivace 2012, com motorização 1.0, o equivalente ao Uno Mille 1.0, roda 8,3 km por litro na cidade consumindo álcool e 12,3 km por litro com gasolina. Já na estrada, se o Novo Uno Vivace 1.0 rodar com álcool, possui um rendimento de 9,4 km por litro. Já se usar a gasolina, o Novo Uno Vivace 1.0 consegue rodar 14,5 km por litro.

Dessa forma, os fãs do antigo Uno não irão se decepcionar com o consumo de sua nova geração, cujo estilo vem conquistando cada vez mais consumidores.





  • 5 comentários para "Média de consumo novo Uno Vivace e Uno Way 2012 1.0"

  • CÂNDIDO ALBERTO
    18:40 on July 27th, 2012

    COMPREI UM UNO WAY 2012 E ESTOU ISATISFEITO COM O SEU CONSUMO MÉDIO, POIS O MESMO SÓ ESTÁ FAZENDO 6K/L.

  • Joao
    1:38 on July 29th, 2012

    O uno vivave 1.0 com direção hidráulica faz no máximo 10,6km/l com gasolina. É claro que se pegar o asfalto ele faz até 14, mas sem ultrapassagens, andando sempre com o olho no “econômetro”.
    Talvez, sem direção hidráulica, faça 12, mas duvido muito.

  • Paulo Queiros
    13:20 on August 29th, 2012

    Aproveito este espaço para expressar minha decpeção com o Novo Uno. Adquirir um 2011 completo e descobrir que completa era minha indignação. Novo Uno: novo consumo alto, novo motor fraco, novos defeitos com trancas e bateria que nem um ano durou. Tive tr~es mille e não vejo a hora de voltar.

  • ricardo
    5:19 on April 6th, 2013

    não concordo com a opnião da maioria, pois tenho um novo uno way 10/11 1.0, e faço na gasolina o consumo de 20.4 km/l na estrada e 15 km/l na cidade, com o ar desligado, mais tem direção hidraulica, o problema pode é se voce adiquirir um carro ”mil” não pode querer ele responda como um 1.6, se não bebe mesmo, maneirando o pé no acelerador o carro é economico sim.

  • Rodolfo
    23:16 on December 16th, 2013

    Não concordo com a maioria das opiniões, pois tenho um vivace 11/12 e faço média de 12 km/l na cidade, e olha que moro no rio e peço trânsito.
    é claro que pra chegar nos 12 km/l tem que andar igual uma velhinha de 80 anos, sem correr, sem esticar marcha e sem passar de 80. O carro é muito econômico. Obs: o meu é o celebration (ar, vidro, trava e direção).

  • Deixe seu comentário

    * Campo obrigatório
    ** Seu e-mail não será revelado