Preço dos Carros no Exterior são mais baratos do que os vendidos no Brasil

Quem procura comprar um carro ou gosta de ler sobre o assunto, sabe que os carros vendidos no exterior são inacreditavelmente mais baratos que os vendidos aqui no Brasil. O Brasil é um dos campeões quando o assunto é preço alto do carro. Essa diferença de preço dos carros vendidos no exterior e no Brasil se dá por causa da alta carga tributária que possuímos, uma das maiores do mundo.

Para você ter uma ideia de como os carros no Brasil custam bem mais caro, fizemos um pequeno comparativo com algumas marcas. Confira:

– TOYOTA – PREÇO DO CARRO NO BRASIL E NO EXTERIOR
Caso você precise comprar uma Toyota Hilux, 4×2, cabine dupla, irá pagar no Brasil por este veículo aproximadamente R$ 73,766. Já na Argentina, o mesmo automóvel, pode ser encontrado em torno de R$ 59,979.

– FORD – PREÇO DO CARRO NO BRASIL E NO EXTERIOR
No Brasil, o Ford Edge é encontrado por R$149.700, se o mesmo carro fosse comprado no México ele custaria a “bagatela” de R$ 59,282.

Deu para perceber que o preço dos carros no Brasil são realmente mais caros do que no exterior. No entanto, se você pensa, que esse “problema” do preço, seria contornado com a importação dos carros, está enganado, pois o preço do carro continuaria caro, já que nele iria incidir diversos impostos.

Por que no Brasil os veículos são mais caros?
Agora, uma pergunta que não deve sair da sua cabeça, “Por que no Brasil os carros são mais caros”. A resposta é simples, os preços dos carros no Brasil são mais caros do que no exterior, porque existem os seguintes impostos embutidos em seus custos:
– Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI)
– Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviço (ICMS)
– Programa de Integração Social (PIS)
– Contribuição para o Financiamento de Seguridade Social (COFINS)

Juntos, todos estes impostos chegam a 30,4% do valor do carro. Em outros países, em que o preço dos carros ficam bem mais baratos, o valor dos impostos não chegam nem aos 20%. Veja:
– Espanha – quantidade de impostos embutido no preço do carro 13,8%
– Itália- quantidade de impostos embutido no preço do carro 16,7%
– Estados Unidos – quantidade de impostos embutido no preço do carro 6,1%

Apesar do governo, ora ou outra, tentar reduzir os preços dos carros no Brasil, a solução é sempre provisória e nunca contínua. Basta observarmos o ano passado, em que houve repetidas vezes, a redução da taxa de Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI), mas que não se manteve.